Minha Visão sobre Salas VIP #3 - Sala VIP Mastercard Black GRU

#salasvip

Boa noite a todos!

No post #2 dessa série eu falei sobre a Sala VIP Star Alliance em GRU, agora vou falar sobre outra sala localizada também no Terminal 3 para embarque internacional, na verdade fica uma quase em frente à outra.

Mais do mesmo então?? Não necessariamente, a ideia é que você perceba as diferenças entre duas salas, para incluir o acesso ao planejamento da viagem, pesquisando um pouco melhor sobre cada Sala VIP e o que oferece, além do custo de acesso e tempo/necessidade de permanência. Só então será possível chegar a uma conclusão se vale a pena pagar pelo acesso ou não.

No post anterior eu apresentei uma das melhores salas que conheço, agora vou apresentar uma um pouco diferente para que você possa comparar.

SALA MASTERCARD BLACK GRU

Como eu já mencionei essa sala está apenas disponível para embarque internacional e, apesar de localizada no Terminal 3, é também acessada pela área de embarque do Terminal 2, como aqueles mesmos 10 minutos de caminhada.

Corredor que dá acesso ao buffet, dá para ter ideia de que a sala é pequena e o buffet também.

As próximas 3 fotos contemplam todo o resto da sala, é consideravelmente menor que a da Star Alliance.

Agora ao que importa, comida! Há alguns tipos de pães e manteiga. O conteúdo do buffet varia um pouco com a hora, nesse caso era jantar, mas itens como o pão sempre estão presentes.

Lanchinhos e saladas.

Salgadinhos e pães de queijo.

Algo que acabou, mas como havia uma torradeira do lado creio que eram lanches frios.

Mais lanchinhos, com diferentes pães e recheios.

Alguns tipos de doces, melhores que da sala anterior.

Frutas, bom para colocar na mochila e levar no avião.

Muffins doces.

Para beber há sempre 2 tipos de suco.

O café também não pode faltar, eu pelo menos tomo 2 ou 3 antes do voo.

Para quem bebe, que não é o meu caso, há poucas opções, em todas as vezes que estive na sala encontrei apenas vinho e espumante.

Que são servidos em baldes de gelo.

Adicionalmente, não há qualquer lugar para dormir ou pelo menos ficar mais isolado e também não há chuveiros.

Fiz esse post, em comparação ao anterior, para mostrar que duas salas, ainda que próximas, são completamente diferentes uma da outra.

Dito isso, pesquisem sempre quais salas estão disponíveis no aeroporto no qual irá embarcar e o que há em cada uma, para evitar surpresas desagradáveis, dado que o acesso não é barato.

No próximo post irei falar sobre uma sala disponível para embarque doméstico, muito mais comum no nosso dia a dia do que o internacional, e por fim irei concluir a série.

Futuramente pretendo fazer reviews das salas que conheço, em um sistema de pontuação similar aos de restaurantes, para contribuir um pouco com a pesquisa de vocês. Eu não tenho frequentado apenas salas que tenho acesso de graça, mas vou tentar conhecer algumas novas para escrever para vocês. Não é minha intenção, no entanto, fazer esses reviews nas próximas semanas.

#salasvip #viagem #dica

POSTS RECOMENDADOS